logolaranja.png
..::data e hora::.. 00:00:00

Transparência Administrativa:

Provedoria da Santa Casa de Caridade presta contas das atividades e  campanhas na comunidade.

 

   A transparência dos  atos administrativos, financeiros e organizacional da  Irmandade  da Irmandade da Santa Casa de Caridade, através da Mesa  Diretora  da Provedoria que tem a liderança do empresário Roberto Luiz Segabinazzi, que assumiu após, falecimento do então Provedor Milton Araújo, tem sido uma praxe as comissões de trabalho integrado pelos Clube de Serviços, Entidades apoiadoras e representantes dos mais diversos  segmentos sociais do Município.  Estes fatos além de assegurar a credibilidade a todos os segmentos sociais, além de quem efetivamente está colaborando, apoiando e participando de forma efetiva de todas as ações da Irmandade da Santa Casa, disse o dirigente durante visita a direção do EXPRESSO MINUANO. Roberto Luiz Segabinazzi destaca a importância da Imprensa e os canais de Comunicação que, sempre estão apoiando e inserido nas  atividades e ações da Santa Casa, são as responsáveis para levar estas informações, dados e prestação de contas à todos os Cidadãos.  Todos somos partes e precisamos estar informados, integrados e cientes de todos os atos praticados pelas pessoas que integram a  Irmandade da Santa Casa de Caridade de Alegrete, seus dirigentes, agentes colaboradores e de todo o Corpo Clínico integrado pelos médicos, enfermeiros, Técnicos, auxiliares, limpeza e manutenção, todos fundamentais para os serviços prestados com tanta dedicação, eficiência e desprendimentos. A Irmandade da Santa Casa de Caridade de Alegrete é uma das maiores  empresas de hotelaria, prestação de Serviços e  ações de Alegrete, empregando  mais de 600  colaboradores, além atender  muitos pacientes de toda região por hoje, ser um Hospital Referência no Estado. E todo este trabalho vem de anos, desde sua fundação há 149 anos, afirma o dirigente.
Nossa  provedoria e integrantes da  Mesa Diretora, são pessoas que, exercem suas atividades sem remuneração de forma colaborativa para com a Santa Casa, acrescenta Roberto Luiz Segabinazzi.

 

CUSTOS COVID-1JPEG.jpg
CUSTOS COVID-JPEG.jpg
EVOLUÇÃO DE PREÇOS DE MEDICAMENTOS.jpg

Nota do Editor:

A aquisição do Tomógrafo com 16 canais  liderados pelo Movimento “Juntos pela Vida” – está sendo adquiridos pelo  Ministério da Saúde, após ações proativa do deputado federal Sanderson – quando foi entregue a demanda em outubro de 2020, pelo saudoso benemérito Maurício Goldemberg,
Roberto Luiz Segabinazzi e Carlos Mello à senhora Vânia Dornelles Guerra e advogado Alexandre
Machado.
Os recursos  arrecadados junto ao  Movimento “Juntos pela Vida” – serão para execução das obras  para instalação do equipamento que exige todo material especial de blindagem;
Toda a  arrecadação de  valores em dinheiro por empresas, entidades, instituições e  empresas,  bovinos, equinos, ovinos,... são administrados pela Comissão integrada por representante de  Clube de Serviços ( Lions, Rotarys, Entidades Filantrópicas), sendo estes aplicados em cantas específicas para os fins determinados;
Toda a  documentação e atos estão disponíveis junto a Administração para todo e qualquer  cidadão ou órgãos  fiscalizador que queira tomar os devidos conhecimentos.

 

Prestação de Contas

   Com planilhas detalhadas  sobre Receita da Campanha de Santa Casa para aquisição do Tomógrafo com 16 canais; da Campanha para Respirador/ Oxigênio e da Evolução de preços de alguns medicamentos após a Covid -19, é o maior demonstrativo dos atos Administrativos da  Mesa  Diretora e o efetivo controle de todas despesas e ações que são praticadas junto a  Administração hospitalar.

 

DOAÇAO TOMÓGRAFO.jpg

Santa Casa receberá 750 mil em repasses do governo do Estado

   A Santa Casa de Alegrete receberá mais R$ 750 mil para fortalecer o atendimento de pacientes com Covid-19. O repasse foi confirmado com a publicação da Portaria da Secretaria da Saúde (SES) 284/2021 no Diário Oficial do Estado, em edição extraordinária na terça-feira (30/3). Os recursos são provenientes de uma articulação entre governo do Estado, Assembleia Legislativa, Tribunal de Justiça, Ministério Público, Defensoria Pública e Tribunal de Contas do Estado.
Com os recursos, haverá pagamento de diárias para leitos clínicos no valor de R$ 60.000 e para leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) no valor de R$ 690.000.
   Conforme a secretária da Saúde, Arita Bergmann, essa verba emergencial é fruto do esforço coletivo de todos os poderes do Estado para reforçar e qualificar o atendimento à Covid-19 nos hospitais gaúchos. “Todos os hospitais que atendem pelo Sistema Único de Saúde (SUS) no Rio Grande do Sul serão contemplados por este recurso, que pode utilizado pelas instituições para qualquer investimento em custeio, como compra de medicamentos e equipamentos”, explicou.
O prefeito Márcio Amaral enfatiza que o repasse ajudará muito Alegrete, pois a Santa Casa é um hospital regional e precisa deste suporte.

linha.png